Publicado por: Hatha, Ashtanga, Iyengar Yoga, meditação | -------

Os ensinamentos de Moises

destaque_meditacaoPodemos ver que a diferença não está no dinheiro, na condição social ou no estado civil, nem sempre isso acontece, pois as lutas estão presentes em todas as classes e em todos os níveis que podemos imaginar.

Se observarmos, as pessoas que conseguem viver melhor são aquelas que conseguem discernir os tempos e que assimilam a ordem das coisas que Deus impõe sobre nós.

Hoje há uma multidão de pessoas desviadas porque não entenderam este tempo, porque nada mudou e se frustram com instituições religiosas e as vezes até com Deus, porque tentou e não funcionou.

Funciona sim, mas na hora que Deus quer. Não adianta querer reproduzir as coisas passadas.

Para viver melhor, precisamos entender que Deus está no absoluto controle. Deus espera que entendamos as fases. Ou nos sujeitamos aos tempos, ou seremos mais um frustrado. Os fins justificam os meios.

Na época de Jeremias, o povo esteve em um cativeiro por 70 anos, e sempre aparecia um profeta que dizia que este tempo já estava acabando e Jeremias ficava “irado”, pois sabia que eram falsos profetas e o povo esteve cativo por 70 anos.

O Livro de Deuteronômio é o quinto
livro do Pentateuco. É uma repetição das leis dadas pouco antes da
entrada de Israel em Canaã. O nome Deuteronômio é uma palavra derivada
do hebraico ”Devarim” que quer dizer: estas são as palavras, e do
grego: deuteros que significa segunda e nomos, que significa lei.
Moisés comumente é aceito como o autor deste livro.

A geração passada de Israel havia
perecido no deserto. Era importante, então, que a lei fosse repetida e
exposta à nova geração antes que entrasse na Terra Prometida.

O conteúdo do livro está dividido em
uma série de discursos e exortações dadas por Moisés nas planícies de
Moabe antes da travessia do Jordão. O tema principal está na repetição
das leis proclamadas no Sinai, com um chamado à obediência, mesclado
com a lembrança das experiências da geração passada.

Deus usa Moisés para tentar nos mostrar o passado:

Muitos viveram o que representa o deserto, um lugar seco. Tem pessoas que estão saindo do deserto e irão entrar na terra prometida.

Mas precisamos ser ministrados por estas mensagens trazidas por Moisés que estão divididas em três sermões:

1- Sermão está nos capítulos de Deuteronômio 1 ao 4

(versículos chave Deuteronômio 1:1 e 4:9)

Mensagem: ouça e não te esqueças.

O 1º discurso leva o povo ao passado e às experiências de Israel e dá uma aula e discorre sobre toda a história de Israel, aos mandamentos e dá uma ênfase a estas leis.

Para nós também é importante olhar para o passado que era deserto para entender o que está acontecendo agora e ser abençoado no futuro, e ficar atento para mudar de condição.

Para algumas pessoas, olhar para o passado é relembrar das perdas, coisas ruins e não gostar muito e não nos fazer muito bem, mas algo não pode ser ignorado, olhar com olhos de aprendiz e saber o porquê é importante olhar para trás:

1º – Aprendermos com os nossos erros

Se cairmos, se deixarmos de vigiar, se nos precipitarmos, se fizermos algo na nossa força, se nos dermos mal, as lembranças dos nossos erros nos ensinaram a não fazer de novo.

“É importante olhar para trás para aprender com os meus erros”.

2º – Aprendemos com os erros dos outros

É difícil aprender com os erros dos outros, porque a historia alheia muitas vezes passa despercebido porque não entendemos o que Deus está querendo dizer, nós queremos ter as nossas experiências.

Já entramos por caminhos errados que nos foram avisados antes para não irmos por lá e sermos roubados da unção, do ministério, mas não escutamos o conselho.

“É importante apreender com os erros dos outros”.

3º – Compreender o presente

Só conseguimos chegar a algum lugar se tivemos uma história antes. Se não soubemos o que foi o passado. O presente fica sem referencial.

Nosso futuro depende do que realizamos no passado e muitas vezes, algumas situações por qual passemos no presente é conseqüência do passado.

4º – Nos ensina a honrar as nossas raízes

Pessoas já pagaram o preço antes de nós, gastando o tempo em orações para hoje estarmos onde estamos. Para que pudéssemos nos encontrar diante da terra Prometida.

Normalmente, nos esquecemos de quem tem direito à honra por chegarmos onde Deus nos designou.

5º – Lembrar que fazemos parte de um plano Divino

Temos que olhar para estas histórias e ver que elas ainda não acabaram e que ainda estão sendo escritas e que principalmente nós fazemos parte delas.

Quando percebemos que os planos de Deus se realizam hoje em nossas vidas por causa de homens que no passado pagaram o preço, isso fica mais fácil para nos situarmos.Muitas pessoas que se desviaram, foi por não entenderem que a história tem começo, meio e fim.

(Filipenses 3:1) Paulo repete algumas doutrinas por segurança e a repetição nos faz guardar na memória.

Já olhamos para o passado, aprendemos com nossos erros, aprendemos com os erros dos outros, compreendemos o presente, honramos as nossas raízes, entendemos que fazemos parte do plano de Deus, agora entra o próximo discurso.

2- Sermão está nos capítulos 5 ao 26

(versículos chave Deuteronômio 6:4)

Mensagem: Olhando para o alto

“Ouve Israel, o Senhor nosso Deus é o único Deus é o único Senhor”

Este versículo é tão importante e é tão conhecido pelos Judeus como o Shemá e é declarado por eles em todo o mundo até os dias de hoje.

Nesse 2º sermão, Moisés desafia o povo a olhar e entender que há Deus. Se olharmos para nossos erros, limites e potencial não chegaremos a Terra Prometida. Chegaremos lá somente com Deus que irá nos capacitar para entrarmos.

Deus é Onipotente, Onipresente e Onipresente. Santo!

Olhar para o alto em Espírito e em Verdade nos trás algo fundamental para entrar na Terra Prometida. Nos trás temor a Deus.

Temer a Deus, muitas vezes damos pouca importância para receber coisas menores por causa do muito que Deus derrama. As coisas talvez se tornem sem valor, mas quando entendemos que Deus é Santo não conseguimos ficar na Sua presença em pecado. A santidade de Deus constrange quem está em pecado.

Tememos ao Senhor e obedecemos à Sua Palavra e nos tornarmos pessoas que querem se afastar daquilo que é sujo, fétido, que nos separa dEle.

Vem um temor que nos leva a adorá-Lo, que não estamos brincando de Igreja.

Queremos o melhor daquilo que Deus quer para nós. É esse temor que irá nos manter de pé lá na frente.

Quem não teme a Deus começa a se corromper, deixa os seus deleites em primeiro lugar, a cobiçar e esquece dEle ao entrar na Terra Prometida.

Se perdemos o temor a Deus, a nossa vida não valerá nada no tempo de deserto.

3- Sermão está nos capítulos 27 ao 33

(Deuteronômio capítulo 28 inteiro)

Mensagem: hora de olhar para frente. É hora de pisar na terra que Deus prometeu.

Aprovado, olhar para frente e saberemos que iremos pisar na Terra Prometida. Estamos quase…

Quando algo da parte de Deus vem, sabemos que é real e que é conosco, que é verdade, mas também sabemos que é a hora mais delicada, no deserto nos apegamos a Deus por parecer ser a única solução ou por falta de opção.

Quando as coisas começam a clarear e, as coisas estão mudando é nesse momento que muitos perdem o temor.

Quem dá a Palavra final é Deus!

Nada de “achismos”, de eu sinto ou eu vejo, quando está tudo bem deixamos o nosso ego subir na cabeça e deixamos Deus, não é mais como lá no deserto que dizíamos em tudo que era Deus.

“No deserto era: Deus me ajuda e na bonança é: eu sou eu!”

Vivemos a falsa graça quando nos achamos no direito de pecar diante da posição em que nós ocupamos.

No 3º sermão, Moisés nos deixa dois caminhos:

Deuteronômio 28:1 – se obedecer, Ele irá te abençoar.

Deuteronômio 28:15 – se desobedecer, este será o nosso fracasso.

A Palavra Profética para a nação é que Deus está levantando pessoas para estarem em lugares onde estarão representando o Reino em todas as áreas da sociedade.

Deus abençoe

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: